A CRIANÇA EM RUÍNAS I

 

fico admirado quando alguém, por acaso e quase sempre
sem motivo, me diz que não sabe o que é o amor.
eu sei exactamente o que é o amor. o amor é saber
que existe uma parte de nós que deixou de nos pertencer.
o amor é saber que vamos perdoar tudo a essa parte
de nós que não é nossa. o amor é sermos fracos.
o amor é ter medo e querer morrer.
 
                                     José Luís Peixoto

Comentários

  1. Olá, bom dia.

    Os meus desejos de um fim de semana: muito bom.
    Abraços.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Agradecemos, desde já, o seu comentário.

Mensagens populares deste blogue

CANTIGA DOS AIS

CANÇÃO DA MOÇA-FANTASMA DE BELO HORIZONTE

Aconteceu-me